Opinion Shakers Headline Animator

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Miss "Sarah Barracuda"

Sarah Palin, conhecida desde os seus tempos de escola como Miss Barracuda, é uma fervorosa opositora do aborto (pro-life), apoiante da pena de morte (já não tanto pro-life) e membro efectivo da National Rifle Association, o poderoso "lobby" das armas nos EUA (afinal não é mesmo pro-life).

A Miss Barracuda é também defensora de um maior aproveitamento das reservas naturais do estado, inclusivamente da exploração petrolífera na Refúgio Nacional de Vida Selvagem do Árctico (não é pela vida humana, também não poderia ser pelo preservação do ambiente), uma medida que McCain não apoia publicamente mas que tem sido defendida pelas bases republicanas como forma de combater a dependência energética do estrangeiro. A vice Barracuda até acha que o aquecimento global não é de origem humana (ver aqui).

A acrescentar a tudo isto a vice Barracuda é também defensora do ensino do criacionismo nas escolas em detrimento da teoria da Evolução. Pois é!! Beleza a mais, inteligência a menos.

Parece mesmo um George Bush de saias.

Analistas ouvidos pela BBC sublinham que a escolha de Palin reflecte a clara intenção de McCain agradar, por um lado, ao eleitorado mais conservador do Partido Republicano, que o acusa de ser demasiado progressista, e por outro lado, arrecadar votos entre os apoiantes de Hillary Clinton que ficaram desiludidos com a vitória de Obama nas primárias democratas.

3 comentários:

Carlos Carmo disse...

Pois ai temos a versão Bush no feminino, mas ainda mais arrepiante que os EUA fiquem à mercê do MacCain e da Mrs "Barracuda", pois temos os grandes e poderosos lobbies que dominam quem governa os EUA, e é contra isso que Obama e Biden querem lutar, é muito dificil, mas já o princípio de tentarem e se oporem aos grande lobbies já é um começo. Podemos dizer que a Mrs Barracuda será mais uma Dama de Ferro, ou os republicanos também têm o problema das "Quotas" ou "Cotas"?

João Pereira disse...

Ainda vão ganhar as eleições... Os americanos não são de fiar! pelo menos 51% deles.

Ricardo Tomás disse...

Um belo retrato da nº2 Republicana! Gostei do parênteses "não é pela vida humana, também não poderia ser pelo preservação do ambiente".

Um abraço Hélder